Um Artesão em alta na Baixa
T43 -
Cantinas do Serrão

Manuel Serrão

No Artesão Bistro, o chefe João Lima, que já passou pelas cozinhas do Tiara Hotel de Cascais ou da Fortaleza do Guincho, leva-nos a viajar por versões modernas da comida tradicional portuguesa

Aqui está uma história de sucesso que começou como podiam começar sempre todas as estórias de sucesso. Era uma vez… um jovem ambicioso que sempre quis lançar-se num projeto pessoal e complexo mas que só decidiu dar esse passo definitivo quando se sentiu completamente á vontade para o dar depois de ter realizado uma rápida mas vasta aprendizagem do métier em causa.
O chefe João Lima acaba de abrir o Artesão Bistrô, depois de ter estagiado e trabalhado em cozinhas de prestigio como a do Hotel Infante Sagres, a do Tiara Hotel de Cascais ou a Fortaleza do Guincho. Foi nesta ultima que conheceu e aprendeu com aquele que é a sua maior referência, Vincent Farges.

Talvez por ter este passado no currículo, é que eu não consigo dizer que o Artesão Bistrô é só  mais um restaurante na “Baixa” do Porto,  ou mais um restaurante que abriu na rua Mouzinho da Silveira, rua que foi famosa pelos seus artesões de várias artes e agora tem este novo restaurante que os quis homenagear no nome.

Para quem vier ao Porto e quiser experimentar um novo restaurante mas também sensações novas e estiver em noite de lhe apetecer degustar versões modernas da comida tradicional portuguesa, aconselho uma paragem nesta primeira grande incursão personalizada do chef João Lima.

Juntar o excecional e o excelente
Para acompanhar o bacalhau com migas e tomate ou a vitela com espargos verdes e cogumelos há uma garrafeira 100% nacional

Estou certo que os meus amigos da família têxtil da região de Vizela, provavelmente já sabem de quem estou a falar,  porque o João  é exatamente de Vizela , onde se arriscou na vez primeira no Porta M. Para a família têxtil de outras regiões, também pode ser uma boa ideia começar precisamente pelo porta M e no caso de apreciação positiva passar em seguida ao exame final no Artesão Bistrô de Mouzinho da Silveira.

Para acompanhar pratos como o bacalhau com migas e tomate, a vitela mirandesa com espargos verdes e cogumelos, o cabrito transmontano com favas e cenoura ou o salmonete dos Açores, há uma garrafeira 100% nacional com grande variedade e qualidade, mas para quem prefere, o  que não é o meu caso, acompanhar a comida com cerveja, também existe um portfólio de cervejas nacionais e importadas que me dizem de grande categoria.

RESTAURANTE
Artesão Bistrô

Rua de Mouzinho da Silveira 218

4050-417 Porto

Partilhar