22 novembro 21
Indústria

T

Espanha lança observatório para o sector da moda

As associações patronais e outras entidades ligadas ao sector da moda assinaram  em Madrid a constituição do Observatório do Projeto Estratégico de Recuperação e Transformação Económica (PERTE). Denominado Observatório Têxtil, da Moda e do Calçado, a entidade irá acompanhar a gestão dos fundos comunitários de recuperação do sector.

Para presidir a este projeto, promovido pelo Conselho Intertextil Espanhol (CIE) e pela Confederación Moda España, os seus dirigentes escolheram um conselho de administração à frente do qual estará Adriana Domínguez, presidente da Adolfo Domínguez, uma das principais empresas da moda do país.

A criação do Observatório é o ponto de partida para a concretização do PERTE, plano que deve articular a transformação da indústria têxtil em Espanha, com ações em todos os elos da cadeia de valor e com especial ênfase na sustentabilidade.

Os promotores estão há meses a trabalhar na criação do plano, com a qual o sector pretende mobilizar entre 11 mil milhões e 12 mil milhões de euros de fundos da Next Generation European Union. O Observatório tem agora um prazo máximo de seis meses para concretizar a validação do PERTE, negociado com o Ministério da Indústria e o Ministério da Transição Ecológica e Desafio Demográfico.

Os PERTE são “projetos de carácter estratégico com grande capacidade de induzir o crescimento económico, o emprego e a competitividade da economia espanhola, com uma elevada componente de colaboração público-privada”, conforme afirma em comunicado o governo espanhol, liderado pelo socialista Pedro Sánchez.

Partilhar